Operação Antracito deve ser concluída no início de agosto - PinheirOnline

Post Top Ad

Responsive Ads Here
Operação Antracito deve ser concluída no início de agosto

Operação Antracito deve ser concluída no início de agosto

Share This
Valor do prejuízo ainda não foi divulgado
A operação Antracito, que foi desencadeada em 28 de outubro de 2015, para investigar possíveis fraudes e indícios de associação criminosa entre empregados públicos e empresários, que estariam se beneficiando com a venda de materiais para a Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica (Cgtee), teve sua previsão de término das investigações transferida para início de agosto - a estimativa anterior era julho.

O delegado responsável pelo caso, Daniel Mendelski, da Delegacia de Repressão a Crimes Fazendários, do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), em conversa com a reportagem, afirmou que as oitivas já estão concluídas. “Recebemos mais informações. Provavelmente, no início de agosto será encerrado o relatório”, ressalta.

A operação apura possíveis crimes junto à sede da Cgtee, localizada em Porto Alegre, e uma de suas usinas — a Termelétrica Presidente Médici, de Candiota. O delegado ressaltou, ainda, que o valor estimado do prejuízo ainda não foi contabilizado, devido às novas informações do caso. As investigações já somam mais de um ano de trabalho, já que começaram antes mesmo da operação Antracito ter sido deflagrada.

Relembre

Na época em que a operação foi deflagrada, 20 mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Bagé, Candiota, Porto Alegre, Pelotas e Alvorada. Entre os investigados há funcionários, que são ou foram dos setores de suprimento, almoxarifado e diretoria financeira. Nas buscas autorizadas pela Justiça, os policiais coletaram documentos que poderiam comprovar negociações escusas, como contratos, notas fiscais, agendas, recibos, processos de dispensa de licitação ou de compras diretas, comprovantes de depósitos e mídias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários passam por moderação e caso não enquadrem-se na política de comentários serão rejeitados.

De maneira alguma será uma forma de barrar a participação dos leitores, mas sim como ja foi dito, de manter um debate de alto nível. Caso tenha dúvida consulte a Política de comentários.

Ao escrever, pense como se o proprietário do blog. E que você pode ser responsabilizado judicialmente pelos comentários.

Mesmo assim, antes de comentar, procure analisar se o seu comentário tem realmente algo em comum com o assunto em questão.

Comentários em tom ofensivo, ou que acusem diretamente pessoas envolvidas ou não nas postagens não serão publicados.

Obrigado e não deixe de comentar.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages